Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 14/02/2018 às 19:36:00
Tribunal de Justiça nega habeas corpus a ex-chefe de gabinete de Rony Alves
Evandir Duarte de Aquino é uma das 13 pessoas denunciadas pelo Ministério Público em operação que investiga mudanças de zoneamento em Londrina.
Tribunal de Justiça nega habeas corpus a ex-chefe de gabinete de Rony Alves

O desembargador José Maurício Pinto de Almeida, do Tribunal de Justiça do Paraná, indeferiu nesta quarta-feira um pedido de habeas corpus em caráter liminar de Evandir Duarte de Aquino, ex-chefe de gabinete do vereador Rony Alves, do PTB. Ele e o parlamentar foram afastados 180 dias da Câmara pelo juiz da 2ª Vara Criminal de Londrina, Delcio Miranda da Rocha, por suposto envolvimento na Operação ZR-3, Zona Residencial 3, deflagrada em janeiro pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, o Gaeco.

Desde então, Evandir não recebe mais salário do Legislativo. Ele os outros investigados estão sendo monitorados por tornozeleiras eletrônicas. O recurso do advogado João Maria Brandão foi impetrado no final de janeiro, mas analisado só agora. Para ele, não há fatos que mostram a participação de Aquino no suposto esquema criminoso que envolvia agentes públicos para mudanças pontuais de zoneamento em Londrina.

Contrariando a opinião de Brandão, o desembargador avaliou que há indícios de autoria. O magistrado explicou que o Gaeco colheu provas de materialidade dos crimes narrados na denúncia, já protocolada na 2ª Vara Criminal.

Conforme o despacho, as informações anônimas que influenciaram no início das investigações da ZR-3 são verídicas. Para o TJ, o possível retorno de Evandir Aquino ao cargo de assessor parlamentar poderia interferir no andamento do processo, seja pressionando testemunhas ou destruindo evidências.

A reportagem tentou contato com o advogado João Maria Brandão para comentar a decisão, mas ele estava com o celular desligado. A Justiça não deu prazo para aceitar ou não a denúncia apresentada pelos promotores na semana passada. 

Veja também
20/08/2018
Justiça começa a ouvir testemunhas da Publicano 2
Depoimentos das testemunhas de acusação continuam nesta segunda-feira e devem durar até o mês de outubro.
20/08/2018
Secretaria de saúde promete comprar unidade do Castramóvel até o final do ano
A intenção é fazer, diariamente entre 15 e 20 procedimentos em animais de rua.
20/08/2018
Prefeituras de Londrina e Ibiporã são notificadas pelo Tribunal de Contas do Estado por falta de transparência e indícios de irregularidades em compra de medicamentos
Prefeituras admitem erros em divulgação no portal da transparência, mas alegam algumas inconsistências na análise do TCE.
20/08/2018
Caminhada leva turistas a conhecer as belezas naturais de Sapopema
A atividade será no dia 16 de setembro e pretende reunir 300 pessoas.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.