Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 29/10/2019 às 18:37:00
Taxistas ainda lutam por redução de taxas anuais
Para presidente do Sindicato a competição com os motoristas de aplicativos fica desigual.
Taxistas ainda lutam por redução de taxas anuais

Começa dia primeiro de novembro o período em que os taxistas são vistoriados para continuarem circulando em Londrina.

Em meio a uma concorrência com os motoristas de aplicativos, os taxistas acreditam que as taxas pagas à Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização – CMTU não há como manter as atividades sem prejuízos.

De acordo com o presidente dos taxistas de Londrina e região, Elizeu de Oliveira, a expectativa era que houvesse redução para esse ano, mas o acordo previsto é só para o ano que vem. Enquanto isso, a categoria perde para os motoristas de aplicativos.

De acordo com a assessoria de imprensa da CMTU a redução da taxa está prevista para o ano que vem, mas ainda está sendo feito estudo para quantificar os valores, mas tudo depende do projeto de lei.

Hoje a taxa custa R$ 380.

Em Londrina calcula-se uma média de 4 mil motoristas de aplicativos cadastrados em diversas plataformas.

Já o número de taxistas cadastrados são 382.  

O Recadastramento Anual encerrou-se no último dia 19. Agora eles pagam a taxa para as vistorias.

A partir de novembro as vistorias dos aprovados perante o Recadastramento devem ser feitas até o fim do mês.  

Veja também
01/11/2019
Período da Piracema começa nesta sexta-feira
Durante quatro meses, é proibido pescar nos rios do Paraná.
01/11/2019
PM cumpre ordem de reintegração de posse da fazenda Palheta em Alvorada do Sul
Os integrantes do MST ocupavam a área desde 2010.
31/10/2019
Garoto de 15 anos suspeito de ter matado a própria mãe e depois tentado matar o padrasto a facadas diz não se lembrar do que fez
Ele foi pego pela polícia perto da escola e na mochila foram encontradas a possível arma do crime e uma máscara de “Dia das Bruxas”.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.