Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 11/09/2019 às 20:07:00
Sema consegue erradicar 220 árvores em um mês, mas replantio ainda depende de contratação de empresa terceirizada
A intenção é lançar o edital para o replantio nos próximos dias.
Sema consegue erradicar 220 árvores em um mês, mas replantio ainda depende de contratação de empresa terceirizada

A Secretaria do Ambiente de Londrina contratou por meio de processo licitatório uma empresa para zerar a fila de árvores comprometidas na cidade, as erradicando.

O contrato de 18 meses prevê a erradicação de 3,6 mil árvores. Cada uma custa até R$ 650 para o município.

De acordo com o Secretário de Ambiente, José Roberto Behrend, são 200 árvores por mês, mas os primeiros meses a empresa não conseguiu executar o máximo previsto, somente no mês passado, agosto, a empresa conseguiu chegar a 220 árvores erradicadas. Em julho esse número foi menor, 170.

Mas a Sema ainda não está fazendo o replantio por falta de pessoal, a intenção é contratar outra empresa terceirizada para o replantio e retirada dos tocos que ficaram nas calçadas.

Para isso foi preciso encaminhar um projeto de lei para a Câmara Municipal para aprovação de um aporte de R$ 370 mil da Secretaria de Obras. A intenção é fazer a retirada dos tocos com esse recurso e nos próximos dias fechar o edital de licitação para o replantio que deverá gerar mais custos.

A Sema ainda fecha orçamentos para saber quanto será o edital para o replantio das árvores.

Veja também
16/09/2019
Princípio de tumulto em delegacia de Ibiporã faz delegado manter alerta
No fim do mês passado mais de 40 detentos conseguiram fugir. A cadeia está hoje com 160 presos e tem capacidade para apenas 35.
16/09/2019
Operação conjunta faz pente fino em empresas de aviação agrícola do Norte Pioneiro
Foram vistoriados pátios de descontaminação, oficinas e até pistas de pouso e decolagem. Dos 20 aviões fiscalizados, 12 tiveram as atividades suspensas, 3 foram interditados e 1 foi apreendido.
16/09/2019
Professores aprovados em concurso querem saber se serão convocados para trabalhar nas cinco creches do Município que estão sendo construídas
Com promessa de entrega das unidades agora no segundo semestre e funcionamento já a partir de 2020, eles dizem que falta de informações vem trazendo insegurança para os profissionais.
16/09/2019
Proposta que altera marco regulatório do saneamento básico no país é discutido em reunião pública na OAB
Especialista diz que principal mudança em discussão no projeto de Lei é o estímulo à privatização do setor.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.