Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 11/06/2018 às 16:51:00
Secretaria de assistência social faz plantão para atender beneficiários do Bolsa Família
A intenção é dar mais opções de horários para que as pessoas façam o recadastramento e não percam o direito aos programas federais.

Os beneficiários do Bolsa Família e de outros programas federais têm até outubro para atualizar o cadastro. Para dar mais possibilidade de horários a essas pessoas, a Secretaria Municipal de Assistência Social ampliou os atendimentos e está fazendo plantões aos fins de semana. A gerente de transferência de renda do município, Claudia Renata Fávaro informa que, mais de sete mil famílias ainda precisam atualizar os dados para garantir a continuidade do benefício.

Em Londrina, cerca de 17 mil famílias são beneficiadas com algum tipo de programa federal ou de prestação continuada. A relação de documentos necessários para a atualização dos dados está disponível no site da prefeitura.

Entre o Bolsa Família e outros projetos, Londrina recebe R$ 16 milhões do governo federal para a transferência de renda. O próximo plantão da secretaria de assistência social será no sábado, dia 23, das 8h às 17h.

Veja também
18/06/2018
Instituto de Pesos e Medidas fiscaliza radares móveis da CMTU
Fiscalização do órgão também vistoriou tacógrafos de mais de 300 caminhões, ônibus e vans, e dez motoristas foram multados.
18/06/2018
Suspeita de vantagem indevida para licença de pontos de food trucks leva vereador a questionar fiscalização pela prefeitura de Londrina
Denuncias chegaram a Câmara pelos próprios empresários do setor que não entendem como algumas pessoas passam à frente da lista de vagas da CMTU.
18/06/2018
Receita Estadual entrega documentação ao Ministério Público para apurar abusos nos reajustes dos combustíveis durante a greve dos caminhoneiros
Os donos de postos podem responder por crime contra a economia popular e as relações de consumo.
18/06/2018
Projeto nacional da Serasa traz caminhão itinerante para Londrina
Cidade tem quase um terço da população com algum tipo de inadimplência, número acima da média nacional. No caminhão, consumidor tem acesso a serviços como consulta do CPF, pontuação de crédito e o chamado Cadastro Positivo.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.