Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 12/03/2018 às 19:48:00
Quase um mês após o início das aulas, tem turma da rede estadual sem professor
Segundo o Núcleo Regional de Educação, problema é pontual, ocorre somente nas disciplinas de matemática e português e apenas em algumas escolas.
Quase um mês após o início das aulas, tem turma da rede estadual sem professor

Na Escola Estadual Valdir Umberto de Azevedo, em Cambé, desde o início das aulas no dia 19 de fevereiro, não tem professor de português para os alunos do sexto ano. A filha do mecânico Mizael Silva, tem 11 anos e estuda na Escola há alguns anos.

Ele diz que o problema é antigo e que desde que o colégio era do município, já havia constantes trocas e falta de professores. O pai conta que os próprios alunos estão se mobilizando para tentar resolver o problema.

O pai conta que foi até o Núcleo Regional de Educação nesta segunda-feira e registrou uma reclamação na Ouvidoria do órgão. Ele afirma que se desdobra para acompanhar a vida escolar da filha, que é esforçada nos estudos e também representa a escola em competições de judô.

Lúcia Cortez diz que o problema é pontual e ocorre apenas em turmas de português e matemática. A chefe do Núcleo Regional de Educação afirma que a principal dificuldade é na hora de distribuir as aulas.

Lúcia Cortez diz que o Núcleo está trabalhando para repor os professores e que o problema deve ser resolvido nos próximos dias.

Veja também
22/10/2018
Verão vai ser de chuva acima da média e temporais ainda mais intensos que os da semana passada, por causa do “El Niño”
Especialista diz que é cada vez mais difícil prever a intensidade das chamadas tempestades de verão e atribui boa parte do problema à derrubada das florestas do estado.
22/10/2018
Investigação de morte de servidora do HU de Londrina ainda é tratada em sigilo
Lucélia Pires Ferreira de 56 anos foi encontrada morta na represa Capivara, no início desse mês, um dia depois de ter sido dada como desaparecida pela família.
22/10/2018
Prefeitura faz leilão de bens nesta terça-feira
Expectativa é arrecadar mais de R$ 400 mil com os 143 lotes, que têm desde caminhões até sucatas de equipamentos como motores e bombas.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.