Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 12/02/2018 às 17:05:00
Procon quer implantar programa de renegociação de multas
Empresas inadimplentes terão descontos e ainda poderão parcelar dívidas.

O coordenador do Procon, Gustavo Richa, pretende repetir a fórmula da Secretaria Municipal de Fazenda e tornar realidade uma iniciativa semelhante ao Profis para renegociação de multas aplicadas pelo órgão de fiscalização. A ideia ainda tramita internamente na prefeitura, sendo que atualmente está sob análise da Secretaria de Governo. 

Com o programa, empresas inadimplentes poderiam parcelar as dívidas e ainda ganhariam descontos na regularização. As infrações giram em torno de R$ 500 milhões, mas o valor demora a ser depositado por questões judiciais.

Richa observou que as multas impostas não se limitam a apenas um segmento comercial. Ele também explicou qual é o critério adotado para identificação das irregularidades.

O coordenador do Procon ainda espera a deliberação interna do projeto, que logo depois será enviado à Câmara. Se tudo transcorrer sem imprevistos, a expectativa é que o Profis seja implantado até o mês que vem. Em caso de boa adesão, ele não descarta a possibilidade de repetir o programa para 2019.

Veja também
16/07/2018
Prefeitura quer ofertar R$ 3 milhões em compras para pequenas empresas de Londrina e região
O objetivo é fazer com que licitações, que preveem aquisições de produtos para as áreas da saúde e educação, sejam disputadas por fornecedores locais, o que faria o dinheiro investido ficar na cidade.
16/07/2018
Após “bronca” do Gaeco e ação por improbidade, Comissão Processante da ZR3 volta a se reunir em dia decisivo
CP que investiga vereadores acusados de corrupção pretende passar toda esta segunda-feira ouvindo testemunhas convocadas pela defesa dos investigados. Parlamentares também devem ser interrogados.
16/07/2018
Advogados de acusados de jogarem mulher de 4º andar de prédio acreditam numa reviravolta do caso
Novos laudos confirmam que ferimentos encontrados na barriga da vítima não foram causados por um objeto cortante, o que vai na contramão do que apostava a polícia. Conclusão do inquérito deve sair nos próximos dias.
16/07/2018
Sobram vagas em abrigos noturnos de Londrina
Operação Noite Fria tem mais de 200 vagas por noite, mas poucos moradores de rua aceitam a abordagem social e preferem o relento por causa do uso de entorpecentes.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.