Londrina - AO VIVO
Manhã da Globo:
Julio Cesar
Ouvir
Publicado em 15/05/2018 às 15:54:00
Prefeitura conta com novos auditores fiscais e um engenheiro civil para dar mais agilidade aos processos de desmembramento de condomínios em Londrina
A medida faz parte do Plano de Ações da secretaria de fazenda, que quer dar mais transparência à cobrança do IPTU.

Cinco novos auditores fiscais já estão trabalhando. Mais três devem assumir até o final do mês, junto com um engenheiro civil avaliador. Eles irão compor a equipe da Secretaria Municipal de Fazenda e vão trabalhar especificamente nos cadastros imobiliários de Londrina. O secretário João Carlos Perez destaca esta é uma das medidas previstas no Plano de Ação para dar mais agilidade aos levantamentos e transparência na cobrança dos impostos municipais.

A diretoria de gestão de cadastro e informações, que atua diretamente nas questões relacionadas ao IPTU já conseguiu identificar 71 condomínios de Londrina sem desmembramento. Desses, 13 já foram desmembrados, o que gerou 1349 unidades. Seis ainda estão em processo de análise e outros 18 já foram notificados.

Essa força tarefa começou depois de identificados erros na cobrança do IPTU no condomínio do prefeito Marcelo Belinati, na zona sul de Londrina. O caso foi parar no Ministério Público, que exigiu mudanças. Entre elas, um maior rigor na cobrança e mais transparência.

Veja também
24/09/2018
Juiz nega liminar e mantém sessão que absolveu Mário Takahashi e Rony Alves
Na decisão, magistrado afirma que vereador não teria legitimidade para propor o mandado de segurança e que anular a sessão seria uma violação à independência do Legislativo.
24/09/2018
Comissão dá parecer favorável ao Projeto de Iniciativa Popular que revoga a Lei do IPTU
Coordenador de Movimento se queixa da demora na tramitação da proposta e líder do Governo na Casa não fala em plano B, mas diz que o Município passa por problemas financeiros e a solução precisa ser discutida em várias frentes.
24/09/2018
Audiência pública vai discutir o futuro do transporte coletivo em Londrina
A intenção é debater os pontos principais do edital de licitação que será aberto para contratar a nova empresa que vai assumir o serviço a partir de 2019.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.