Londrina - AO VIVO
Manhã da Globo:
Julio Cesar
Ouvir
Publicado em 12/02/2018 às 05:31:00
Prefeito afirma que prefeitura segue orientação do Ministério Público e que já toma medidas para evitar corrupção na alteração de zoneamento
A intenção do MP é que o município crie mecanismos para evitar interferências.

Em entrevista coletiva, o prefeito Marcelo Belinati disse que vai seguir a recomendação do Ministério Público quanto a criação de mecanismos para evitar interferências externas na alteração de zoneamento de Londrina. Ele afirma que foi criado um grupo de trabalho, que está elaborando medidas mais seguras, como a quarentena para os membros dos Conselhos Municipais.

Quanto ao possível envolvimento dos vereadores afastados Rony Alves e Mario Takahashi na operação ZR3, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), o prefeito não quis opinar.

O Ministério Público ofereceu denúncia contra 13 pessoas que são investigadas na Operação ZR-3, Zona Residencial 3, deflagrada no dia 24 de janeiro, e que apura possíveis pagamentos indevidos a agentes públicos para mudanças pontuais de zoneamento. Vereadores, empresários e servidores municipais estão entre os investigados. Por determinação do juiz da 2ª Vara Criminal, Delcio Miranda da Rocha, todos estão sendo monitorados por tornozeleiras eletrônicas.

Os parlamentares foram afastados 180 dias da Câmara. Na lista de envolvidos no caso, Luis Guilherme Alho, Ignês Dequech, ex-presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano na gestão Kireeff, e o ex-secretário do Ambiente na mesma administração, Cleuber Moraes Brito, do Conselho Municipal da Cidade, o CMC. Segundo o Gaeco, os então parlamentares seriam os líderes do suposto esquema criminoso.

Veja também
21/02/2018
Câmara quer reunião com entidades para discutir revogação de plebiscito da Sercomtel
Leis aprovadas na década de 90 e em 2009 estabelecem consulta popular para decisões que envolvam situação financeira da telefonia
21/02/2018
CMTU modifica vias do Parque Guanabara para aliviar o trânsito na Avenida Higienópolis
Os trabalhos envolvem mudança de sentido em duas ruas e proíbe conversões à esquerda de outras duas pistas.
21/02/2018
Vereadores afastados ganham mais tempo para contestar pedido de cassação na Câmara Municipal
Defesas de Mário Takahashi e Rony Alves têm até março para responder acusações de Filipe Barros, que quer revogação dos mandatos.
21/02/2018
Justiça bloqueia bens de servidor que teria superfaturado contratos da Santa Casa de Cambé
Segundo o Ministério Público, irregularidades teriam acontecido entre 2004 e 2012. Acusado tem duas semanas para apresentar defesa.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.