Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 03/08/2017 às 17:15:00
Pesquisa revela que 62% dos paranaenses pretendem presentear os pais
Valor do presente será menor do que no ano passado e a preferência é por pagar à vista para evitar novas dívidas
Pesquisa revela que 62% dos paranaenses pretendem presentear os pais

O Dia dos Pais está chegando. Uma pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná revela que 62% dos paranaenses pretendem presentear os pais nesta data comemorativa. O índice é menor que os registrados nos anos anteriores, como destaca a coordenadora de pesquisas da Fecomércio, Priscila Takata. Em 2016, 68% disseram que iam comprar presentes para os pais. Em 2015, 61% os paranaenses disseram que pretendiam presentear e em 2014, essa parcela era de 72%.

Ainda de acordo com a pesquisa, quem respondeu que não vai presentear os pais, justificou dizendo que o pai é ausente ou que não tem grana para fazer a compra. O levantamento também mostra que o valor do presente será menor do que no ano passado. O tíquete médio neste ano baixou e deve ficar em R$ 99,00. Em 2016 era de R$ 109,75 e em 2015, R$ 104,50.

Mas, o que os filhos querem mesmo é não contrair dívidas. 30,9% dos entrevistados disseram que vão comprar o presente a dinheiro, 25,7% vão pagar no cartão de débito.

As roupas e os calçados estão no topo da lista de opções de presentes para os pais. 65% dos entrevistados disseram que vão comprar um dos dois itens. Os cosméticos e perfumes serão a opção de 15% dos filhos para presentear seus pais no dia 13 de agosto. Outros presentes variados, que incluem chocolates, vinho ou o valor do presente em dinheiro, devem ser a escolha de 10% dos compradores. Na lista também tem: eletrônicos, móveis, utensílios domésticos, viagens, cestas matinais e livros.

Veja também
01/11/2019
Período da Piracema começa nesta sexta-feira
Durante quatro meses, é proibido pescar nos rios do Paraná.
01/11/2019
PM cumpre ordem de reintegração de posse da fazenda Palheta em Alvorada do Sul
Os integrantes do MST ocupavam a área desde 2010.
31/10/2019
Garoto de 15 anos suspeito de ter matado a própria mãe e depois tentado matar o padrasto a facadas diz não se lembrar do que fez
Ele foi pego pela polícia perto da escola e na mochila foram encontradas a possível arma do crime e uma máscara de “Dia das Bruxas”.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.