Londrina - AO VIVO
A Hora é Agora:
Julio Cesar
Ouvir
Publicado em 12/04/2019 às 18:49:00
Justiça prorroga por mais 60 dias o afastamento dos diretores das clínicas psiquiátricas de Londrina investigadas por irregularidades
O MP ainda pede o descredenciamento das clínicas pelo sistema público de saúde.
Justiça prorroga por mais 60 dias o afastamento dos diretores das clínicas psiquiátricas de Londrina investigadas por irregularidades

O Ministério Público solicitou a prorrogação das medidas cautelares contra os administradores das clínicas psiquiátricas investigadas por diversas irregularidades e a Justiça acatou prorrogando para mais 60 dias o afastamento dos diretores das clínicas de Psiquiatria de Londrina e a Villa Normanda, que têm contratos com o município.

No dia 12 de fevereiro, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão no estabelecimento e na casa dos diretores da unidade e duas medidas cautelares contra os responsáveis.

Há indícios de irregularidades em prontuários médicos para receber mais dinheiro do Sistema Único de Saúde - SUS.

De acordo com o promotor Paulo Tavares, o Ministério Público havia solicitado previamente, antes de expirar os 60 dias iniciais, a prorrogação do prazo que impede inclusive o acesso aos funcionários das clínicas por parte dos diretores.

Ainda de acordo com o promotor Paulo Tavares, o MP ainda quer o descredenciamento das clínicas pela rede pública de saúde, já cobrou o responsável pela autarquia de saúde e espera uma resposta formal. Ele ressalta que são repassados mais de R$ 1,140 milhão às clínicas que prestam serviço que não condiz com o que os pacientes necessitam.

As clínicas continuam atendendo os pacientes que já estavam internados no local, mas não tem recebido novos.

A prefeitura de Londrina por meio da Secretaria Municipal de Saúde já se pronunciou sobre o pedido do MP em desabilitar as unidades do sistema público, afirmando que estuda uma forma de substituir o credenciamento, mas que por enquanto não tem como desligar as mesmas do sistema.

Veja também
16/10/2019
Sanepar promete analisar todos os casos de denuncias no Procon sobre problemas nas faturas
Uma reunião na manhã da última quarta-feira estipulou um prazo de 30 dias para que as mais de 90 denuncias sejam atendidas pela Companhia de Saneamento.
16/10/2019
Em visita a Londrina governador diz que não pode interferir no valor dos pedágios até 2021
A região de Londrina tem um dos pedágios mais caros do estado.
16/10/2019
Ratinho Júnior participa da abertura do Lidere 2019
Evento promovido pela ACIL reúne aqui em Londrina, até esta quinta-feira, palestrantes de todo o país e mais de mil empresários da região.
16/10/2019
Governador defende a aprovação e economicidade com o fim da licença prêmio dos servidores
A lei foi aprovada em dois turnos na Alep na última terça-feira e será votado o texto final na próxima segunda-feira, depois vai para sanção do governador.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.