Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 06/12/2017 às 19:31:00
Juízes e Comissão de Promoção Humana e Social provem ações beneficentes a entidades e escolas
Entre as ações de final de ano estão cartas adotadas de uma escola inteira, concertos de Natal e arrecadação de recursos.
Juízes e Comissão de Promoção Humana e Social provem ações beneficentes a entidades e escolas

Quatro ações estão sendo desenvolvidas pela Comissão de Promoção Humana e Social do Fórum Estadual de Londrina e juízes.

De acordo com o juiz, Luiz Valério dos Santos, diretor geral do Fórum, são quatro ações só nesse final de ano. Entre elas a escola Ilece é contemplada, tanto a do centro como a do Jardim Cafezal, região sul de Londrina. As unidades foram selecionadas pela Comissão e todas as cartas que os estudantes escreveram para o Papai Noel dos Correios foram adotas pelos servidores e funcionários do Fórum.

A outra ação já promovida foi para o Nuselon, onde foram doados R$ 7 mil a entidade de um jantar beneficente.

A outra ação é promovida pelos 44 juízes de Londrina que se juntam para arrecadar recursos e doar para entidades.

A última ação são os concertos que iniciam nesta quinta-feira no próprio Fórum, tudo para as pessoas que passam no local ter um pouco mais do espírito de natal. 

Veja também
28/05/2018
Governo anuncia fim da greve, mas caminhoneiros permanecem bloqueando estradas do Paraná e de outros estados
Presidente do Sindicato do Comércio Varejista diz que semana foi de muito prejuízo e que apesar disso o setor apóia a paralisação.
28/05/2018
Mesmo com a greve Hoftalon faz exames de graça para diagnóstico do glaucoma
Mais de 300 pessoas eram esperadas para atendimento no último sábado no Shopping Royal Plaza.
28/05/2018
Ministério Público ouve contribuintes que tiveram dados alterados por servidores municipais presos
No total, são mais de 50 pessoas beneficiadas de forma irregular. Algumas tiveram o IPTU anulado e outras pagaram menos imposto.
28/05/2018
Secretaria de saúde promete contratar mais médicos no segundo semestre
O chamamento deve acontecer nos próximos meses a pedido da promotoria de defesa da saúde pública.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.