Londrina - AO VIVO
A Hora é Agora:
Julio Cesar
Ouvir
Publicado em 15/05/2018 às 18:11:00
Executivo propõe que IPPUL seja responsável pela aprovação de projetos de loteamento urbano em Londrina
A competência antes era da Secretaria de Obras, que continuará apenas fiscalizando os processos.

Três projetos que alteram o processo de loteamento e urbanização da cidade foram entregues à Câmara de Vereadores para serem analisados. O Executivo retira da Secretaria de Obras e transfere para o IPPUL a competência para aprovar novos loteamentos. Segundo o diretor presidente do Instituto, Roberto Alves Lima Júnior, é uma forma de centralizar o serviço.

O mesmo sistema já é usado em outros municípios e ajuda a dar mais agilidade ao processo.

O presidente do IPPUL alega que a medida não tem ligação com a Operação ZR3 deflagrada no início do ano, que envolveu a questão de zoneamento da cidade, mas reforça o poder decisório do Instituto enquanto órgão técnico de planejamento.

Também foram apresentadas outras duas propostas de emenda à Lei Orgânica.

Com a proposta do Executivo, se o parecer do IPPUL for desfavorável à mudança de zoneamento o projeto de Lei vai ser automaticamente arquivado na Câmara.

Veja também
17/01/2019
Entidades comemoram redução de taxas do Detran e dizem que valores altos cobrados no Paraná impactavam nas vendas do setor
O chamado Registro Eletrônico de Financiamento de Veículos custava R$ 350 aqui no estado, enquanto em São Paulo o valor cobrado no ano passado era de pouco mais de R$ 116.
17/01/2019
Presidente da Sercomtel afirma que não há garantia de aporte de recursos pela Copel
Cláudio Tedeschi diz que possibilidade mais concreta é de um repasse da Prefeitura, de cerca de R$ 30 milhões, como pagamento de uma dívida com a operadora. Plano de Recuperação da empresa, segundo presidente, segue sujeito a alterações.
17/01/2019
Comissão Processante notifica Justiça sobre “sumiço” do prefeito de Rolândia e pede para que ele seja preso
Na avaliação da CP, Luiz Francisconi estaria fora da cidade há mais de oito dias e, assim, teria descumprido medidas cautelares estabelecidas em ação criminal. Prefeito, que está afastado das funções, é investigado por suposta participação em esquema de c
17/01/2019
Sanepar vai fazer estudo hidráulico pra evitar com que tubulações voltem a se romper no centro de Londrina
Trabalhos de prevenção são reflexo de acidente que deixou 25 mil imóveis da região sem água na quarta-feira. Sistema também deve receber uma proteção, de acordo com a companhia.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.