Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 13/11/2017 às 19:44:00
Estudantes, orientados por professor entraram com recurso de possível erro em uma questão de geografia no vestibular da UEL
A instituição não acatou como erro os apontamentos dos estudantes e docentes.
Estudantes, orientados por professor entraram com recurso de possível erro em uma  questão de geografia no vestibular da UEL

Um professor de cursinhos de Londrina e estudantes questionaram a forma que uma pergunta foi feita mas de forma diferente em provas do vestibular da UEL.

A manifestação foi feita inicialmente em uma rede social por um professor, o que levou estudantes a entrarem com recurso contra a questão.

As normas da universidade permitem que o recurso apresentado tenha apenas 3,4 mil caracteres e pode ser apresentado em até 48h depois do teste aplicado.

O professor de geografia de rede de cursinhos, André Tolino Neto, explicou que a questão induz a confusão de erro. Na questão supostamente errada aponta que Floresta Ombrófila Densa se encontra no Bioma dos Pampas predominantemente. O que o professor rebate é que não é predominante no Bioma dos Pampas sendo assim predominante na área citada existem outras culturas. 

O professor ressalta que ele e outros colegas têm dificuldades de preparar os alunos para o processo seletivo.

De acordo com a diretora pedagógica da Coordenadoria de Processos Seletivos da UEL – Cops, Michele Salles El Kadri, vários estudantes entraram com recurso com o mesmo argumento. Ela explica que a UEL não acatou o erro apontado na questão, porque os alunos precisam entender o contexto da questão.

Depois de a UEL responder o primeiro recurso, não está previsto que um novo recurso seja apresentado pelos vestibulandos. 

Veja também
20/06/2018
Escola do Vista Bela pode sair do papel e a ordem de serviço deve ser dada em agosto
O Centro Municipal de Educação Infantil do Jardim Nova Esperança região sul de Londrina também está contemplado no projeto.
20/06/2018
Ministério Público cumpre mandados de busca e apreensão contra servidora do IAP e criadores de pássaros em Cornélio Procópio
Chefe do escritório regional do Instituto, que já tinha envolvimento em outras denúncias, foi exonerada.
20/06/2018
Cheio de cupins, com rachaduras e condenado por laudo, portal de entrada do Parque Mata dos Godoy é demolido
Gerente da unidade diz que outro portal, que também ameaçava desabar, será derrubado nos próximos dias. Projeto para novas estruturas deve ser escolhido por concurso.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.