Londrina - AO VIVO
Momento de Fé:
Padre Marcelo Rossi
Ouvir
Publicado em 14/05/2018 às 17:08:00
Empresas atrasam a entrega e alunos da rede municipal ficam sem uniformes
Alunos ainda aguardam receber bermudas e camisetas de verão. A previsão é que até o final do mês a situação esteja regularizada.
Empresas atrasam a entrega e alunos da rede municipal ficam sem uniformes

O uniforme de verão já chegou dois meses depois do início das aulas para alguns alunos da rede municipal. Para outros, as camisetas e bermudas nem chegaram. Isso porque as empresas responsáveis pela confecção dos itens não cumpriram os prazos acordados com a secretaria municipal de educação. Marli Ferrato Garcia, diretora de bens móveis e serviços explica que, as três empresas (duas de Santa Catarina e uma de São Paulo) devem ser punidas por não cumprir o contrato. 39 escolas da zona sul de Londrina estão sem camisetas, alunos de 82 instituições das regiões norte, oeste e leste também não receberam as duas camisetas e 23 escolas da zona norte não receberam bermudas. A previsão é que até o final do mês a situação esteja regularizada.

Segundo a diretora, como já era o previsto, foram identificados problemas no tamanho dos uniformes entregues a alunos de algumas escolas. Mas, ela garante que os ajustes já foram feitos e que, com a troca de numeração, a situação foi resolvida.

A diretora afirma que a secretaria está acompanhando o andamento dos pedidos de uniformes de inverno, uma vez que precisam ser entregues antes das férias de julho.

No total, entre uniformes de verão e inverno são mais de 250 mil peças. Um investimento de quase R$ 5 milhões por parte do governo municipal. As roupas são para as 74 escolas municipais da área urbana, 13 da zona rural, 33 Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e 52 instituições filantrópicas.

Veja também
22/10/2018
Verão vai ser de chuva acima da média e temporais ainda mais intensos que os da semana passada, por causa do “El Niño”
Especialista diz que é cada vez mais difícil prever a intensidade das chamadas tempestades de verão e atribui boa parte do problema à derrubada das florestas do estado.
22/10/2018
Investigação de morte de servidora do HU de Londrina ainda é tratada em sigilo
Lucélia Pires Ferreira de 56 anos foi encontrada morta na represa Capivara, no início desse mês, um dia depois de ter sido dada como desaparecida pela família.
22/10/2018
Prefeitura faz leilão de bens nesta terça-feira
Expectativa é arrecadar mais de R$ 400 mil com os 143 lotes, que têm desde caminhões até sucatas de equipamentos como motores e bombas.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.