Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 12/06/2019 às 19:20:00
Contrato é homologado e manutenção de câmeras de vigilância da Guarda Municipal deve começar nos próximos dias
Secretário de Defesa Social diz que Prefeitura estuda instalar alarmes sonoros em alguns prédios públicos e remanejar câmeras para espaços sem fiscalização.
Contrato é homologado e manutenção de câmeras de vigilância da Guarda Municipal deve começar nos próximos dias

O contrato com a empresa vencedora, a Guilherme Scuira, aqui do Paraná, deve ser assinado em aproximadamente dez dias e tem validade de 12 meses. A abertura dos envelopes com os lances das interessadas no certame, que tem um custo de R$ 260 mil, foi em maio, mas houve recursos e a licitação só foi homologada na tarde desta quarta-feira.

Segundo o secretário de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, com a finalização do processo e a assinatura do contrato, a execução do serviço é praticamente imediata.

A empresa vai ficar responsável pela manutenção do sistema e das 359 câmeras de vigilância da Guarda Municipal espalhadas pela cidade e por reparos em cerca de 100 equipamentos que atualmente estão com algum problema e já não funcionam.

O secretário de Defesa Social, Pedro Ramos, explica ainda que a Prefeitura estuda instalar alarmes sonoros em alguns prédios públicos, onde as câmeras não se mostram tão importantes. De acordo com o secretário, uma opção bem mais barata e que atende perfeitamente as necessidades de alguns locais.

Com o alarme sonoro, Pedro Ramos diz que vai ser possível levar algumas câmeras para áreas da cidade que hoje não têm nenhum tipo de monitoramento à distância.

O secretário explica ainda que a Guarda Municipal está elaborando uma espécie de manual para os responsáveis pelos prédios públicos, com algumas medidas de segurança básicas para minimizar a possibilidade de furtos e roubos, entre outros crimes.

Veja também
01/11/2019
Período da Piracema começa nesta sexta-feira
Durante quatro meses, é proibido pescar nos rios do Paraná.
01/11/2019
PM cumpre ordem de reintegração de posse da fazenda Palheta em Alvorada do Sul
Os integrantes do MST ocupavam a área desde 2010.
31/10/2019
Garoto de 15 anos suspeito de ter matado a própria mãe e depois tentado matar o padrasto a facadas diz não se lembrar do que fez
Ele foi pego pela polícia perto da escola e na mochila foram encontradas a possível arma do crime e uma máscara de “Dia das Bruxas”.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.