Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 12/09/2018 às 19:38:00
Comissão Especial de Inquérito que investiga fraudes no IPTU tem nova reunião
Mas pai da ex-estagiária da Secretaria de Fazenda, que também é investigada pelo Gaeco, falta pela segunda vez seguida. Outra testemunha que seria ouvida nesta quarta-feira não foi localizada pela Comissão.
Comissão Especial de Inquérito que investiga fraudes no IPTU tem nova reunião

Até agora, a Comissão Especial de Inquérito que investiga supostas fraudes na secretaria de Fazenda ouviu 8 pessoas. Nesta quarta-feira, a previsão era de que prestasse depoimento o pai da ex-estagiária da secretaria de Fazenda, Camila Azarias, uma das investigadas pelo Gaeco na Operação Password, que pediu na semana passada para remarcar o interrogatório. Mas ele não foi à Câmara de novo. O advogado dele protocolou na Comissão um pedido para receber cópias dos documentos da Comissão e à tarde comunicou que não poderia comparecer porque teria outro compromisso.

Além do pai da estagiária, os vereadores esperavam também por uma nova testemunha, que também não teve o nome divulgado, citada na semana anterior pelo corretor de imóveis apontado como comprador de um dos terrenos que teve débitos do IPTU cancelados. Mas ele não foi localizado. Segundo o presidente da Comissão, vereador Filipe Barros, os dois vão ser convocados novamente.

Sobre as duas faltas do pai da ex-estagiária ao depoimento, Barros diz que o advogado foi notificado com uma semana de antecedência sobre a data do interrogatório.

O presidente da CEI diz ainda que o advogado do pai da ex-estagiária solicitou à Comissão todos os depoimentos e documentos levantados até agora. Mas, segundo Barros, nem tudo será repassado, para não prejudicar a investigação.

De acordo com a Prefeitura, o grupo teria causado um prejuízo de, pelo menos, R$ 700 mil ao Município.

Veja também
22/03/2019
Juiz paranaense que participou da Reforma Trabalhista ministra palestra em Londrina
Com o tema “Nova Lei Trabalhista na Prática – O dia a dia e os diferenciais competitivos”, MarlosMelek fez um balanço de como vem sendo aplicada a nova legislação trabalhista.
21/03/2019
Guarda Municipal recebe viaturas novas, mas continua com quase um terço dos carros sem circular por falta de manutenção
Secretário de Defesa Social afirma que situação é causada por um problema no contrato com a empresa que cuida da manutenção dos veículos da Prefeitura.
21/03/2019
Sindicato dos Servidores Municipais envia parecer à Câmara e faz diversas críticas ao projeto de Lei da Caapsml
Marcelo Urbaneja diz que aumento de alíquota é punição ao servidor e afirma que proposta vai trazer uma enxurrada de ações trabalhistas contra a Prefeitura.
21/03/2019
Depois de questionamento do Ministério Público de aditivo em contrato do transporte coletivo de Rolândia, prefeito esclarece que está dentro da lei
A atual empresa que presta serviços à prefeitura tem contrato também com o transporte escolar.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.