Londrina - AO VIVO
:
Ouvir
Publicado em 12/02/2018 às 17:46:00
Câmara promete pedir informações sobre recape asfáltico para a prefeitura mensalmente
A iniciativa foi motivada pela negativa da Secretaria de Obras de disponibilizar essas informações online para a população.
Câmara promete pedir informações sobre recape asfáltico para a prefeitura mensalmente

O executivo alegou que não tem condições de disponibilizar o cronograma de recape asfáltico de Londrina no site da prefeitura, como propunha o projeto de lei de autoria do vereador Felipe Barros. A proposta havia passado por comissões temáticas da Casa no ano passado, mas agora foi rejeitada pela prefeitura.

Diante da negativa, o vereador afirma que emitir um ofício mensal pedindo as informações à Secretaria. O objetivo é saber como está sendo planejada a recuperação asfáltica e como está sendo investido o dinheiro municipal neste setor. 

Barros destaca que são várias as reclamações de buracos nas ruas de Londrina. Por isso, a necessidade da população saber qual é a previsão de reparo na via onde mora.

De acordo com o Secretário Municipal de Obras, João Verçosa, o município não tem datas determinadas para começar os projetos de recape das ruas, porque depende de dinheiro estadual, por meio de um convênio com o Paraná Cidade. Atualmente, segundo ele, Londrina está apenas com o serviço de tapa buracos. 

Veja também
16/07/2018
Prefeitura quer ofertar R$ 3 milhões em compras para pequenas empresas de Londrina e região
O objetivo é fazer com que licitações, que preveem aquisições de produtos para as áreas da saúde e educação, sejam disputadas por fornecedores locais, o que faria o dinheiro investido ficar na cidade.
16/07/2018
Após “bronca” do Gaeco e ação por improbidade, Comissão Processante da ZR3 volta a se reunir em dia decisivo
CP que investiga vereadores acusados de corrupção pretende passar toda esta segunda-feira ouvindo testemunhas convocadas pela defesa dos investigados. Parlamentares também devem ser interrogados.
16/07/2018
Advogados de acusados de jogarem mulher de 4º andar de prédio acreditam numa reviravolta do caso
Novos laudos confirmam que ferimentos encontrados na barriga da vítima não foram causados por um objeto cortante, o que vai na contramão do que apostava a polícia. Conclusão do inquérito deve sair nos próximos dias.
16/07/2018
Sobram vagas em abrigos noturnos de Londrina
Operação Noite Fria tem mais de 200 vagas por noite, mas poucos moradores de rua aceitam a abordagem social e preferem o relento por causa do uso de entorpecentes.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.